quarta-feira

Fim do dia


Foto Margarida Delgado.


Jorge Luís a encontrou diante da tevê, os cabelos molhados, envolvida num roupão branco, comendo uma panqueca de frango.
— Oba, saudou.
Cheirava a suor, um cheiro acre que ele mesmo sentia e o impedia de se aproximar.
— Também quero uma.
Ela esticou o dedo mínimo na direção da cozinha, sem desviar os olhos do programa.
— Então, foi tudo bem?
Marlene fez um sinal positivo com o polegar da mão livre. Estava rodeada de almofadas e um dos pés aparecia, moreno e rosado, de unhas nacaradas. Jorge Luís sumiu na direção do banheiro e pouco depois ela ouviu a água caindo do chuveiro. Não demorou. Antes de ir à cozinha ele voltou à sala e desligou a televisão. Tomou a mulher nos braços e se encaminhou com ela para o quarto. Ela não protestou: a entrevista estava mesmo terminada, sua fome satisfeita, a vida ganha, e agora subia de seu ventre a calidez que prenunciava as grandes noites.

(Trecho deComo se livrar de Glória.)

___________________________


Filosofando

Cada era tem a torre de Babel que merece, né não? A deste século se chama Twitter. Cada um sabe a dor e a delícia de viver seu tempo.

16 comentários:

Gisele Amaral disse...

De quem é "Como se livra de Glória"? Adorei o estilo do texto!

Beijos.
=*

Ery Roberto Correa disse...

Dade, este trecho me deixou com vontade de quero mais. "Como se livrar de Glória" ainda é possível comprar lá no Viralatas? Vou ver.

Quanto ao Twitter gostaria de ter um pouqujinho mais de tempo para explorá-lo como se deve. Mas considero umaa baita ferramenta.

Beijão.

Ery Roberto Correa disse...

Dade, este trecho me deixou com vontade de quero mais. "Como se livrar de Glória" ainda é possível comprar lá no Viralatas? Vou ver.

Quanto ao Twitter gostaria de ter um pouqujinho mais de tempo para explorá-lo como se deve. Mas considero umaa baita ferramenta.

Beijão.

luzdeluma disse...

Não li o livro Adelaide! Leitura fluída!! Vontade de ler mais!!

Também queria tempo para ficar janelando no twitter, mas fico mais em off do que online. :(

Beijus

adelaide amorim disse...

Gisele, "Glória" é um romance meu, de 2005. Você pode encontrar no site Viralata, com link aqui ao lado.
Beijo!

adelaide amorim disse...

Ery, o livro ainda tem alguns exemplares no Viralata, sim. Obrigada, viu?
Beijo.

adelaide amorim disse...

Luma querida, twitter tem um lado comercial e de divulgação superpositivo. Embora eu ache que tudo e nada são palavras limítrofes.
Beijo grande.

Dora disse...

Adelaide. Eu gosto desse seu jeito de realizar o post, com textos curtos, com ações costumeiras da vivência cotiana, breves descrições de ambientes e personagens...mas, sempre com a criação de um clima, de uma expectativa, de um desejo de se ir além do texto...
A torre de Babel de nossa era prá mim é outra...nem digo...rs
Beijos, chérie!
Dora

adelaide amorim disse...

Diz, Dora, diz sim ;B
Beijo beijo

adelaide amorim disse...

Diz, Dora, diz sim ;B
Beijo beijo

Aninha Pontes disse...

Na verdade, isso é para não se livrar de Glória né?
Um feliz dia das mães prá você.
Beijos.

Aline Christal disse...

Adelaide!

"o tempo é rei"


Voltei, amada...meu blog mudou de browser..anote ai!

saudade, bejão! Feliz dia das Mães

adelaide amorim disse...

Obrigada, Aninha! Ando com saudade de você. Beijo e tudo de bom no seu DIa.

adelaide amorim disse...

Vou lá te ver Aline, Beijo beijo.

Gaspar de Jesus disse...

Adelaide Amorim.
Obrigado por este pedacinho do seu livro.
Acho a escrita bem moderna e fluída.
Parabéns
Obrigado pela gentil visita.
G.J.

adelaide amorim disse...

Oi, Gaspar, obrigada!
Abraço.