domingo

Da Romênia

O projeto Enigma, idealizado pelo romeno radicado na Alemanha, Michael Cretu, veio para inovar o cenário musical. Quando surgiu, em dezembro de 1990, lançou o hit Sadness Part 1, sob a forma de Cantos Gregorianos na mixagem da música.
Sandra Cretu, casada com Michael, interpreta algumas músicas; também estão no grupo David Fairstein e Peterson Frank.
Artistas do gênero New Age, suas músicas costumam aparecer em matérias de jornais, documentários, filmes e comerciais. Sua música é mais conhecida que o projeto.

Enigma - Déjà Vu



Um glossário e uma "árvore genealógica" da música gótica podem ser encontrados aqui.
Pra mim foram muito úteis, porque até o momento ouvia cantar o galo sem saber exatamente de onde. Não me tornei fã incondicional da música New Wave, mas fui fisgada pelos cantos gregorianos que o Enigma trouxe às paradas.

Outro vídeo do Enigma, encontrado primeiro no blog português da amiga Laura, O rosto contra esta espada, que achei de grande beleza, se chama Je T'aime Till My Dying Day. Os comentários são de Michael Cretu.




________________________


Aviso a meus queridíssimos sete leitores

Continuando a brincadeira (boa demais), "História incompleta" vai ganhando novas peças durante a semana. A gente se vê, né?

14 comentários:

Andréa C disse...

Eu adoro conto gregoriano. Embala bem meus contos. Mas quando quero pegar pesado eu apelo para Carmina Burana de Carl Orff.
Como é essa hietoria incoompleta? Posso participar?
Beijocas.

Nanda Assis disse...

muito interessante o post, gostei mesmo.

bjosss...

Jens disse...

Oi Adelaide.
Não conhecia o projeto. Achei interessante. Na verdade, gostei. Valeu a introdução ao tema.

Naturalmente, estou ligado na "História incompleta".
Um beijo e uma boa semana pra você.

adelaide amorim disse...

Andrea chérrie, também acho o gregoriano um som maravilhoso. Apareça, você é da casa.
Beijo!

adelaide amorim disse...

Que bom que gostou, Nanda. Beijo e boa semana.

adelaide amorim disse...

Jens, Umbigo também é cultura :)))

Beijo!

Andréa C disse...

Ade, um amigo está precisando de poetas para nosso livro de poemas, bla bla bla, ele explica direito. Indiquei vc. Estaria a fim?
Eu escrevi um poeminha porque ele pediu, mas espero mesmo é a nova antologia de contos.
Manda email para mim ou sinal de fumaça e ponho vcs em contato.
Tem msn???
acmigliacci@gmail.com
Beijocas

Nanda disse...

Dade, por uma dessas coincidências, entre as últimas nanDICAS comentei sobre o Gregorian Chants, que canta o melhor do Pop nesse estilo. Algumas músicas ficam estranhas, mas no geral, adoro. Procura ouvir With or Without you (U2), Sacrifice (Elton John) e Ordinary World (Duran Duran). Eles até lançaram um cd só com músicas dos Beatles - a que mais gosto é a versão de In my life. Quem sabe você gosta? Beijos!

adelaide amorim disse...

Entro em contato conm vocês assim que der, Andrea. E obrigada pela lembrança. Beijos!

adelaide amorim disse...

Nanda, como expliquei, não sou fã de carteirinha do gênero, mas em alguns casos vale a pena ver/ouvir, sim. Vi teu post no IP, achei legal. E a edição com músicas dos Beatles deve ser muito boa, vou esperar pra ver.
Beijo beijo!

Cris disse...

Adelaide, minha linda,

Que presente musical! Adoro new age com todas as derivações.

Beijo, querida.

adelaide amorim disse...

Então acertei com teu gosto e fico bem contente com isso, Crisete. Beijo beijo.

Ery Roberto Correa disse...

A música é um Universo à parte. Bom que nele voamos sem necessidade de qualquer treinamento. É um voo livre. Ou melhor, o mais livre.
Excelente Dade.
Abraço.

adelaide amorim disse...

Ery querido, a música é um jeito que o homem inventou de tornar o mundo mais palatável. É poesia em andamento. Nada é mais livre que poesia.
Beijo pra você.